Blog da Joie

« Voltar

Inspire-se! O casamento real de Harry e Meghan

Príncipe Harry e Meghan Markle trocando um beijo suave na saída do casamento real.

27 de novembro de 2018 . Por Joie

Há pouco mais de seis meses o mundo parou para conferir cada detalhe do casamento real entre o príncipe Harry e a atriz Meghan Markle no dia 19 de maio em Windsor, na Inglaterra.

O casamento foi marcado por momentos emocionantes e pela quebra de protocolos. Confira os detalhes da cerimônia e veja como reproduzir esse conto de fadas na sua festa!

 

Cardápio e bolo do casamento real

 

Imagem: Divulgação/Google

 

O cardápio do almoço oferecido pela Rainha Elizabeth II incluía comida servida em bowls, como fricassé de frango, risoto de ervilha e hortelã e barriga de porco assada com compota de maçã e torresmo.

Uma seleção de vinhos e champanhe acompanhava as refeições. Entre os doces, macarons de champanhe e pistache, tortinha de crème brulée e de ruibarbo.

Para fechar, o bolo foi desenhado por Claire Ptak e tinha como ingredientes principais massa de pão de ló, xarope de flor-de-sabugueiro e recheio de coalhada de limão amalfi com creme de sabugueiro. A decoração foi feita com creme de merengue suíço e 150 flores britânicas e sazonais.

O destaque, é claro, ficou para a quebra de protocolo: o bolo foi composto por três partes separadas e não seguiu a tradição real de recheio com frutas cristalizadas.

 

Arranjos de flores

 

Imagem: Divulgação/Google

 

Os arranjos foram criados pela florista Philippa Craddock e eram compostos de folhagens, como faia, bétula e carpino, além de flores da estação, como rosa, dedaleiras e peônias – favorita da noiva.

Ervilhas-de-cheiro, lírio do vale, astilbe, jasmim e astrantia, além de raminhos de murta (uma tradição dos casamentos reais) e miosótis colhidas dos jardins do Palácio de Kensington foram amarrados com fita de seda crua no buquê.

 

A noiva

 

Imagem: Divulgação/Google

 

Assinado por Clare Waight Keller, diretora da Givenchy, o vestido de cady de seda e mangas compridas tinha véu de cinco metros de comprimento e flores bordadas a mão em fios de organza e seda – cada uma delas representando os 53 países do Commonwealth.

Com decote canoa que deixava os ombros a mostra, o vestido era clean e foi combinado a uma tiara com mais de 100 diamantes que pertenceu à avó da Rainha Elizabeth II, Marie de Teck, além de bracelete e brincos.

 

Quebra de protocolos

 

Imagem: Divulgação/Google

 

A chegada da duquesa de Sussex (como Meghan agora deve ser chamada) mostrou que até a realeza está disposta a ser flexível. A ex-atriz não jurou obediência nos tradicionais votos “love, cherish and obey” (“amar, apreciar e obedecer”, em inglês).

Meghan é negra e divorciada, algo que foge completamente das tradições reais, e se declara como feminista. Ela percorreu sozinha metade do caminho até o altar e fez questão de exaltar suas raízes no casamento real, assim como sua mãe, que usava dreadlocks e piercing no nariz na cerimônia.

Na homilia do casal, feita pelo reverendo negro Michael Bruce Curry, foi citado um poderoso discurso de Martin Luther King. O coro gospel The Kingdom Choir era composto somente de cantores.

Os noivos passaram praticamente a cerimônia toda de mãos dadas, contrariando a recomendação da realeza britânica de não demonstrar afeto em público. Harry fez questão de ostentar a aliança, algo que não é obrigatório para os homens.

 

Não falta inspiração nesse casamento real, não é?! Aproveite e confira as tendências para casamento em 2019!

« Voltar

Comentários

× Como posso te ajudar?